Confidências - Firmino, poeta e cientista
Autora: Leony Muniz

 

Firmino, poeta e cientista

Luzilá Gonçalves Ferreira

 

Uma das grandes alegrias de quem estuda literatura, é pesquisar, descobrir em velhos jornais e revistas do passado, poemas que desconhecia, pequenos contos publicados em periódicos de vida curta, que fizeram as delicias dos leitores da época, confirmando a atuação de intelectuais de valor, presença viva do que de bom se fazia então.

Há uns anos, encontro em Letras Católicas, artigo do cônego Xavier Pedrosa, a quem tanto deve a história da literatura em Pernambuco, a transcrição de poema de um certo Firmino de Figueiredo.

No texto do religioso, informações sobre o poeta, autor de Confidências,  O Mendigo Negro, e de Verdades. Aclamado por Maciel Monteiro e Juvenal Galeno era também teatrólogo e musico, autor de serenatas e modinhas à maneira de Ernesto Nazareth, seu amigo.

Mas Firmino se tornaria conhecido, no Brasil e na Europa, por uma outra atividade à qual todos devemos: como pesquisador de nossa flora, inventara o Vinho de Cajurubeba e o Elixir Sanativo, este ultimo presença obrigatória em toda pequena farmácia doméstica, até hoje.

Firmino continua, pois, cuidando de nossas doenças. Mas sua poesia era desconhecida do público leitor.

E eis que uma sua bisneta , minha amiga a escritora Leony Muniz, curiosa pelo que se dizia em casa sobre o bisavô, mergulha em longas e sérias pesquisas, sobre o ilustre antepassado e agora nos torna conhecida sua vida e obra. Um inestimável documento, testemunho de um momento de efervescência na vida cultural do Recife, como certamente poucas vezes aconteceu entre nós. Pelo numero de intelectuais, poetas, jornalistas, de publicação de importantes revistas e jornais literários, devorados por um público cativo exigente. Poetas por poetas sejam lidos, não lembro quem escreveu assim. Mas a apresentação de Alvacir Raposo, coloca ao nosso alcance os poemas de Firmino, como se esse cientista não tivesse sido igualmente um grande conhecedor das paixões humanas e da arte de as dizer com palavras.

Leony, Pernambuco te agradece.

 

Luzilá Gonçalves Ferreira pernambucana de Garanhuns, professora da Universidade Federal d Pernambuco – UFPE, pesquisadora na área de literatura, romancista, agraciada pelo Prêmio Joaquim Nabuco com o livro Rios Turvos da Academia Pernambucana de Letras -APL, vida romanceada do poeta Bento Teixeira. É membro da Academia Pernambucana de Letras e Sócia Honorária da Academia de Artes e Letras do Nordeste-ALANE

Confidências - Firmino, poeta e cientista

REF: LCSF
R$39.90Preço
  • Leony Muniz

     

  • Dimensões: 15,5x22x1,3cm
    Páginas: 207

    Acabamento: Lombada Quadrada
    Ano: 2014
    ISBN: 978-85-98896-84-7
    Impressão: Gráfica FacForm